domingo, 8 de agosto de 2010

Dos sonhos que já não tenho

Tudo no escuro
Assombra-me
E não consigo ficar
De olhos fechados
Não queria viver
Não queria morrer
Queria ficar parado
Queria apenas teu ombro
Pra poder me sentir seguro
Nesse escuro
Onde tanto
Procuro-me
Onde tanto
Reviro-me
Onde tanto
Não te encontro
Se daquela noite
Que eu me detinha
Junto de ti
Eu via estrelas
Via constelações
Dentro dos teus olhos
Dentro do teu coração
Toquei tal canção
Que hoje eu só lembro
Nos sonhos
Não consigo dormir
Tu foste pra mim
Meus sonhos
Tu foste
Naquele momento
Bem mais
Do que eu
Preciso
Bem mais
Do que eu
Desejo
Bem mais
Dos sonhos
Que já
Não tenho


Jeferson Guedes

2 comentários:

  1. *-* Tão tocante e profundo .Suas palavras são inspiração pra mim...

    ResponderExcluir